14.12.08

.Sobre novas coisas.

- Surpesa!!!
- Ahahahaha!! Eu já devia imaginar.
- E você imaginou. Você estava ansiosa pela nossa tradicional conversa de fim-de-ano.
- É verdade, confesso.
- Então, o que você tem a me dizer?
- Mudou de pergunta, né? Grandes progressos por aqui..
- É que você já me respondeu a principal, então resolvi deixar a questão mais aberta..
-Ah, tá.
- Prefere uma pergunta mais específica?
- Prefiro.
- O que você tem aprendido?
- Viiiixe, a resposta daria um livro.
- Mesmo?
- Er..não, porque tem aquela história de que a gente só aprende mesmo quando coloca em prática, né?
- É, mas antes da prática tem as mudanças de dentro.
- Aham. Quanto a essas eu fico feliz. Conheci umas revoluções poderosas aqui dentro.
- Hum. Coisas novas?
- Novas e eternas.
- Gosto disso.
- Eu também.
- Então, foi um bom ano, não foi?
- Foi sim. Mesmo, mesmo.
- E você, como sempre, espera por mais.
- Falando assim, pareço ambiciosa..
- Não quando se é uma sonhadora.
- Aha.
-Fico feliz em reencontrá-la, nos veremos de novo. Prometo.
- Eu é que fico feliz. Por falar em feliz: Feliz ano novo!
- Feliz!!!

4 comentários:

rafael disse...

tadinha... falando sozinha de novo... achava que vc ja tinha superado isso

heueheuheuehuehuehueheuhe

se precisar de uma OUTRA COMPANHIA pra conversar, estamos aqui..

feliz.

Nadine disse...

Essa conversa me pareceu um pouco familiar (em alguns apetos.

Saiu um mesmo mesmo ^^

Nadine disse...

ps: até que enfim atividade na área

Uma pessoa Angélica disse...

é, o mesmo mesmo é bastante familiar, mas principalmente na forma de pergunta:

-mesmo, mesmo? Fico feliz! ^^